Resenha de O teorema Katherine, de John Green

sexta-feira, agosto 30, 2013


        Depois de muitas coisas que me impediram de continuar a leitura, eu finalmente terminei de ler O teorema Katherine, e aqui está a resenha que prometi para vocês em alguma postagem anterior. Eu tirei uma fotinha linda aqui no quintal de casa, usando a minha tiara Lana Del Rey - que eu ensino á fazer aqui  e com um dos livros que entrou para a minha lista de favoritos. Então, vamos para a resenha ♥

     O teorema Katherine foi escrito por John Green, e é uma obra estadunidense. No Brasil, foi publicado pela editora intrínseca, em 2012, enquanto nos EUA foi publicado seis anos antes, em 2006. O livro recebeu inúmeras criticas positivas, de nomes renomados e importantes, como: The new york Times, The Horn Book, e The Minneapolis. 

     Colin, o protagonista do livro, é um garoto prodígio. Desde criança se mostrou inteligente para os pais, e essa inteligência foi cultivada a partir dos anos, fazendo Colin Singleton virar o protagonista mais nerd e impressionante que eu já vi nos livros. Inteligente, aparentemente atraente, todas as coisas parecem estar ao seu favor. Exceto uma pequena característica: Colin só namora garotas chamadas Katherine - Sem Katy, Cat, e muito menos Catherine - e existe uma regra em relação á isso: Todas Katherines terminam com ele.

       Depois de levar um fora da Katherine 19 - sim, ele já namorou 19 Katherines -, ele entra em uma grande decadência e, digamos, depressão. Seu melhor amigo Hassan, então propõe a ideia dos dois saírem em uma viagem, sem rumo, no Oldsmobile cinza de Colin, carinhosamente batizado de Rabecão de Satã. O livro todo gira em torno dessa viagem dos dois, que não dura muito tempo, depois deles acharem um lugar especial e uma nova amiga.


      Eu, depois de ler A culpa das estrelas, fiquei louca para conhecer os outros trabalhos do John Green, e O teorema Katherine é o segundo livro mais indicado dele. Então eu o comprei, pensando: "Bom, John Green não vai me decepcionar." E ele realmente não decepcionou. Eu adorei o livro. Apesar dele ser em terceira pessoa - Livros assim não me agradam muito -, John Green soube muito bem como deixar o livro em 3º pessoa, e mesmo assim nos deixar dentro da história e completamente íntimos dos personagens. A coisa que eu mais gostei no livro, foram os rodapés. Leia-os. Eles são muito engraçados, e ajudam a contar a história. Adorei essa nova forma de narração e escrita.

     Além disso dá para você aprender muita coisa de matemática, e conhecimentos gerais, porque Colin está sempre compartilhando alguma coisa nova e interessante - e que muitas vezes não são interessantes para Hassan, mas foi para mim.

 

   

Você também vai amar:

6 comentários

  1. Nossa já tinham ouvido falar sobre esse livro, mas agora fiquei com uma grande vontade de ler. Amei sua resenham.

    The Little Girl With Big Dreams

    Beijosss

    ResponderExcluir
  2. Esse livro do John Green parece ser legal.
    O problema de gostar de ler é que a lista de leituras sempre aumenta.rs!
    Também tenho um blog literário, se quiser conferir.
    Bjo

    http://allmylifeinbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. To querendo ler esse livro porque quero muito ler um do John Green mas não gosto de livro triste e eu já sei o final de A Culpa é das Estrelas :(
    http://sorriso-espontaneo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Estou com mais vontade de ler agora!!!
    http://achadosnaestante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu já queria ler, mas agora eu ANSEIO!

    http://www.confissoesdeleitura.com.br

    ResponderExcluir
  6. Deveria ler Cidades de Papel, também é um livro sensacional

    ResponderExcluir



Subscribe