#27 Entre verbos - Nós ainda vamos...

sábado, maio 03, 2014

    ...
(escrito ao som de Last Love song - ZZ Ward)

Nós dois ainda temos muito o que viver. Ainda vamos brigar muito, discutir feio, e depois vamos perceber o quanto isso foi idiota. E nós vamos rir. Porque rimos fácil um com o outro. Ainda vamos sentir raiva, e você vai me odiar a ponto de não conseguir olhar para mim; Porque, você adora a minha cara de brava, e sabe que se olhar, não vai conseguir deixar de sorrir. E ver você sorrindo, me faria sorrir também. Ainda vamos sentir muito ciúmes, e eu vou emburrar, fechar a cara e fingir que não me importo; Mas eu me importo, você sabe que sim, mas vai fingir que não e perguntar "O que foi?", só para ouvir o tom de voz que eu uso quando eu vou explicar alguma coisa. E depois vai me calar. Porque você ama me calar e rir do modo confuso que eu tento organizar as minhas palavras, e como eu gaguejo as vezes. 

      Ainda vamos conversar muito, daquele modo automático que nós dois conversamos e que nenhum de nós dois consegue entender como começa; E você vai me olhar, porque ama como eu converso gesticulando com as mãos. Ama os gestos que eu faço. Ama como eu rio depois de contar alguma coisa idiota que eu diz. E você ainda vai me fazer muitas perguntas só para me ouvir falando e falando cada vez mais. Ainda vamos nos olhar muito. Porque te olhar, me faz te entender, e saber que você está me olhando, me acalma. E porque, nós conversamos assim. Com os olhos. Mesmo que não faça sentido nenhum, nós sabemos o que significa cada olhar. 

      E eu ainda vou questionar "porque é que eu escolhi ele?", e o seu sorriso vai me lembrar de todos os motivos. Ainda vamos viajar muito, pelo mundo ou de olhos fechados. Ainda vamos ficar muito perto, porque foi isso que escolhemos e ainda vamos ficar muito longe, porque você tem uma mania louca de se afastar. E ainda vai voltar muito. Porque, eu já te disse, não tem como se afastar; Mesmo que você tente, você não consegue, porque não é isso que você quer. Se quisesse mesmo, não teria que lutar contra isso toda vez que me olha, que ouve a minha voz, ou não tentaria conter o coração acelerado com uma mensagem minha. Acontece tão natural que você tem que afastar. Entende... A gente tenta controlar o que está fora do controle. E é isso nós dois: Algo fora de controle. Ainda vamos chamar isso de muitos nomes; O seu preferido é explosão de emoções, e o meu algo incontrolável. Mas no fundo sabemos que não tem nome, que vamos tentar procurar algum, mas que simplesmente não tem como definir.

    Eu ainda vou escrever muitos textos para você, e você ainda vai fazer muitos desenhos para mim. Porque é essa a nossa forma de demonstrar, de dizer o que significa. Eu com palavras, você com traços, ambos na mesma intensidade. Ainda vamos tentar medir isso, ver o quanto vale, até onde vai, e vamos perceber que não tem como. Ainda vamos conhecer muitas pessoas, muitos lugares, ainda vamos viver muitos momentos, mas nada vai mudar o que eu conheço de você, o que você conhece de mim, e nem vamos esquecer que o melhor lugar para se estar é nos braços um do outro. E ainda vamos nos abraçar muito. Daquele abraço apertado em que a gente tenta formular alguma palavra que seja do tamanho do que estamos sentindo. Eu não encontro nenhuma, você não encontra nenhuma, ninguém encontra nada. Mas, certas coisas não precisam ser ditas, nem vistas, nem feitas... A gente apenas sabe. E qualquer "tchau" acaba tendo o som daquilo que a gente quis dizer. 

Você também vai amar:

4 comentários

  1. Hi Girl! Amooo seu blog, leio todas as postagens *--*

    Da uma passadinha lá no meu blog. Já estou seguindo o seu.

    Beijos xoxo <3

    http://luciana-tavares.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. nossa que profundo, amei Ya <3 isso me fez lembrar de muitas e muitas coisas *-* sem palavras para descrever ... lindo de maaaais :3

    ResponderExcluir
  3. Oieeee, acabei de conhecer seu blog e já amei!
    Sério, é tudo tão lindo aqui!!! *-*

    ResponderExcluir
  4. Onts muito lindo ameei :3

    ResponderExcluir

Subscribe