{Resenha} Insurgente; Veronica Roth

domingo, abril 05, 2015


Oii minha gente !! E aqui está mais uma resenha de um livro participante da nossa tag. Quem acompanha o blog sabe que eu e a Yara resolvemos criar uma 'listinha' de livros para lermos em 2015, 24 cada uma, totalizando em 48 Livros em 365 Dias. Eu estava seguindo minha lista na ordem, mas resolvi antecipar minha leitura de Insurgente >.< terminei antes de lançar o filme... e quero muito assistir ele *-* Bom, vamos pra resenha (lembre-se que ela pode conter spoilers)
Resenhas semelhantes: Divergente  Convergente

   

Insurgente - Veronica Roth

 Título: Insurgente
 Subtítulo: Uma Escolha pode te destruir.
 Autor(a): Veronica Roth
 Gêneros: Distopia, Ação, Romance, Ficção Científica
 Editora: Rocco Jovens Leitores
 Páginas: 512
 Lançamento: 2013
 Nota:      




O livro começa exatamente no mesmo lugar que o outro terminou,ou seja, com eles ainda no trem, e isso é bem legal, pois você não precisa ficar tentando relembrar o que aconteceu no volume anterior. Metade da Audácia está aliado à Erudição, a outra metade se aliou à Franqueza. Tris, Quatro/Tobias, Caleb, Peter e Marcus fogem para a sede da Amizade onde os membros da abnegação que se salvaram do ataque já estão. A Erudição resolve fazer uma visitinha ali, e com isso eles acabam tendo que fugir apressadamente para a sede da Franqueza. Neste meio tempo, Tris, que estava com o disco-rígido, acaba tendo que destruí-lo para não o encontrarem. Ainda com o ombro machucado e com um remorço pela morte de Will, Tris acaba tendo dificuldades nas maiores aventuras. Já na sede da Franqueza, Tris e Quatro são acusados de serem inimigos, e para confirmarem que realmente não são eles precisam se submeter a um julgamento sob o soro da verdade.

Novamente, os traidores da Audácia liderados por Eric, resolvem atacar. Ele planeja, conforme as instruções de Jeanine, capturar dois divergentes e levá-los até a sede da Erudição, enquanto o resto será executadoEles injetam em "todos" um novo soro de simulação que permite que Jeanine controle as vítimas à longas distâncias e não pode ser desligado nem contido, dando à Erudição muito mais controle sobre o grupo. Tris fere Eric, permitindo que seus aliados o capturem e assumam o controle do combate.
Jack Kang, líder da Franqueza, resolve fazer uma reunião privada com algum representante de Jeanine Mattews. Sem saberem, a reunião é obsevada por Tris; Quatro; Lynn e Shauna, que descobrem que Max, o representante enviado por Jeanine, esta sendo o porta-voz da mesma. Eles atacam, para tentar impedir que Jack concorde com as opções de Jeanine (não vou falar mais pra não dizer spoiler hihi.).

Quatro, Tori, Harrison são eleitos os novos lideres da Audácia e planejam matar Eric e voltarem para a sede da Audácia, já que não podem confiar muito na Franqueza. Já na sede da Audácia, Jeanine resolve começar as simulações, onde faz Marlene e outros se suicidarem (ou quase), as simulações e siucídios continuariam até que algum divergente se entregasse à Erudição para começarem os testes. Graças a isso, eles se mudam para a sede da Abnegação com os sem-facção. Tris resolve usar seu lado da Abnegação e se entregar pelos outros, ficando nas mãos de Jeanine.

Eu adorei esta leitura mas, na minha opinião, este livro não foi melhor que Divergente. Teve sim cenas românticas e cenas com muita ação, mas eu li no meio de uma viagem e acho que isso influenciou com que a leitura não fosse tão boa (já que as estradas daqui são horríveis) hehe. Ainda não assisti o filme, mas me disseram que não foi uma adaptação tão fiel '~' percebi isso já no trailer. O final é cheio de revelações e estou louca pra ler Convergente (que já tem resenha disponível ^-^). Não dei muitos e mais detalhes para evitar spoilers :)
Espero que tenham gostado.
Beijocas 

 Post por:

Aline Viana

 Sou moderadora/colaboradora do blog e amo essa coisinha ♥. Nasci em Goiânia,no dia 20 de fevereiro de 2001,em pleno horário de verão. Sou apaixonada pelo Percy Jackson u.u. Uma "filha" de Atena,do distrito 8,casta 4,divergente (erudição e amizade),trylle,etc... Não consigo me definir em apenas uma palavra. Várias ideias gostam de me rondar,mas minha memória só me deixa pôr algumas em prática. Prazer!

Você também vai amar:

0 comentários

Subscribe