Resenha de Reboot de Amy Tintera

terça-feira, maio 05, 2015



Ei pessoas e florzinhas do outono ♥ ahsuahsu' Hoje vou falar de um livro pra você que é fantástico e entrou na minha lista de favoritos (ou seja, é bom mesmo); O livro foi enviado pela editora parceira Galera Record - já falei pra vocês que amo os lançamentos dessa editora? - e, graças a Deus, eu tive a oportunidade de conhecer esse livro.

Sem enrolar mais com vocês, vamos para a resenha, meaw'

Reboot de Amy Tintera


O livro Reboot foi escrito pela americana Amy Tintera e é a estréia literária da autora. O livro faz parte do gênero distópico (O meu favorito, yay!), e traz uma temática inovadora que eu jamais li em outros livros - embora eu tenha notado algumas inspirações que vou contar para vocês. 

O livro possui como narrador a personagem principal, Wren Connolly, ou como é mais conhecida: 178. A história do livro circula por um Texas pós-apocalíptico que foi dizimado por um vírus que matou milhares de pessoas, porém, existe uma espécie de pessoas que esse vírus não os mata permanentemente: Apenas os deixam mortos por um tempo e depois eles renascem. Esses que renascem são chamados de Reboots.

Os Reboots renascem mais fortes, rápidos e imortais - apenas morrem com um tiro na cabeça, e quanto mais tempo essas pessoas ficam "mortas" depois de renascer, mais fortes elas são - e isso faz deles os "soldados" do novo mundo. Wren é a 178, ou seja, ela renasceu 178 minutos depois e isso faz dela a Reboot que ficou mais tempo morta e que faz dela a mais forte até então. Ninguém nunca chegou nesse número.

Wren é completamente invencível, fria e calculista devido o tempo que ela ficou morta - e que tirou a humanidade dela. Ela é inabalável, uma personagem distópica que eu nunca tinha lido e que se parece um pouco com o jeito durão da Katniss - Mas Wren chega a ser mais durona e fria. 

Wren é abalada quando a remessa de novatos reboots chegam para a central onde os reboots são treinados para combate e para serem soldados, e um simples número 22 (que ficou apenas 22 minuto morto) mexe com sua cabeça (e seu coração? talvez.) A convivência com esse 22 - super lindo e fofo e tudo de bom ahusahus - faz com que Wren comece questionar a própria frieza e as coisas que acontecem na central de treinamento. 


Sim, esse cenário de vírus, renascer e morrer apenas com um tiro - ou algo que afete a cabeça - se assemelha muito com as histórias de zumbis e isso foi um fato que me faz adorar esse livro. Esse livro entrou para a lista de distópicos mais perfeitos que eu li. 

É um livro muito bem escrito, com acontecimentos bem planejados para que as coisas no final da história se interlacem e façam sentido. Sim, como qualquer outro distópico esse livro é repleto de mortes, mas uma morte em questão mexeu com meu coração, e quebrou ele, e despedaçou e foi horrível. Mas foi emocionante, então valeu ahusauh'

Em geral, esse livro é perfeito e eu quero muito uma continuação! O final é meio: "Cadê as páginas? Galera Reecord! Meu livro veio faltando alguns capítulos" e não acreditei quando acabou. Abre uma brecha enorme para um segundo livro e ainda tem muito coisa para acontecer com meus 178 e 22. 

Nota:        

Então é isso, esse livro ganha 5 estrelinhas lindas e entra na minha lista de favoritos ♥ 

Se inscrevam 


Post por:
Yara Lima


Yara, Ya, Yaya, Ou Maidy *w* Sou a mente por trás do Leitoras Ocultas e que organiza essa coisa toda, prazer haha'.  Meio louca, impaciente, teimosa e com mil pensamentos disputando a minha atenção, eu nasci na região metropolitana de Minas Gerais, no dia 29 de abril de 1997. Eu adoro games, livros e escrever, o que me fez uma grande fã de Assassin's Creed, Jogos Vorazes e autora de Cate & Adam

Você também vai amar:

2 comentários

  1. Uau que livro intrigante. Parece ser maravilhoso, também gosto de livros nesse ramo :)
    Beijos ;*
    http://bhulago.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Que História Maravilhoza, deu ate agua na Boca de Ler agora, histórias fascinante me alegram, vou pedir pra mim, tá Lindo Yara Lima

    ResponderExcluir



Subscribe