RESENHA: Eva de William P. Young [autor de A Cabana]

quarta-feira, janeiro 27, 2016


Oi pessoas e apaixonados por William P. Young ♥! A resenha de hoje é sobre o novo lançamento do autor de A Cabana - que é um livro fantástico sobre esperança, Deus e reencontrar consigo mesmo. Eva não é diferente no quesito da religião e crenças, mas é bem diferente do que a gente leu em A Cabana, então vem pra resenha para você saber porquê! []




 Título: Eva
 Autor(a): William P. Young
 Gênero(s): Drama
 Editora: Arqueiro
 Lançamento: 2015
 Páginas: 240 páginas
 Nota:   
Fruto de mais de 40 anos de pesquisas, fiel aos textos bíblicos originais e com uma narrativa primorosa, Eva apresenta um ponto de vista humano e reconfortante de um dos episódios mais tristes das Escrituras: o momento em que o homem vira a face para Deus e é expulso do Paraíso. Com sua capacidade única de emocionar e fazer refletir, o autor trata de temas como perda, culpa, perdão e redenção, e cria uma alegoria sobre a importância de nossas escolhas, a verdade de nossas origens e o poder transformador do amor de Deus.



TAGS LITERÁRIAS: 


Eva é um livro de drama de William P. Young - Internacionalmente conhecido pelo livro A Cabana ♥ Para quem nunca leu A Cabana, o livro conta a história de um pai que teve a linda filha assassinada por um serial killer e parte para um encontro com Deus em uma Cabana - O livro é cheio de emoções, e apesar de falar de Deus, não é religioso - e isso é um dos fatos que tornou esse livro tão famoso!

Em Eva, William P. Young volta com a temática 'religiosa' com a sua forma de contar sobre Adão & Eva. No livro, conhecemos uma jovem garota - A Lily - que se encontra em um lugar que ela nunca viu na vida, com pessoas que ela nunca viu na vida e cada dia que passa ela só tem mais certeza que morreu e está "do outro lado". Lily está super machucada, e as pessoas que cuidam dela disseram que ela foi encontrada em uma caixa; Quando Lily dorme, ela sonha com uma mulher que diz ser Eva, a mãe de todos, e que dá uma grande calma na garota. Eva diz que Lily é A Testemunha, mas Lily não quer ser isso, e muito menos sabe o que isso é.


O livro é bem confuso de entender, e vai alternando as realidades entre Lily dormindo e sonhando com Eva, e Eva mostrando para ela toda a criação do mundo e dos homens, e com Lily acordada em um lugar cheio de mágia que ela não sabe onde é. O livro é bem Fantástico e fantasioso, e eu esperava algo mais Adão & Eva, bem original e clássico - mas entendo que o intuito do autor foi trazer as várias fases e significados que o casal que fugiu do Éden carrega consigo mesmo.

Lily é o tipo de personagem que vai fortalecendo com o decorrer do livro e no final, ela se tornou uma garota bem madura e ciente da sua importância para tudo aquilo. Ela sofreu muito na terra, vemos e conhecemos todo o sofrimento dela, e é impossível não sentir simpatia por essa personagem. Eva é a personagem que você adora logo de cara; Transmite paz e pelas narrações de Lily, percebemos que ela a mãe que Lily nunca teve.


No geral, o livro é bem confuso e começa a fazer sentido só no finalzinho dele. Sério, é um livro confuso, que te deixa simplesmente boiando nos acontecimentos e é por isso que ele ganhou só 3 estrelas comigo. Eu realmente esperava bem mais do Young, ainda mais depois de ter me apaixonado perdidamente por A Cabana. O livro não é 100% perdido. Eu fiquei apaixonada com a criação do mundo nele, mostrando a leveza de Deus e como Ele criou todo o mundo; É uma das partes mais sensacionais do livro! 

Então, resumindo, se você já leu A Cabana e amou, não vai com muita fé com Eva, porque você pode se decepcionar feio :C mas se quer sentir um reconto lindo de Adão & Eva e se emocionar com a criação do mundo, você deve ler agora essa obra! ♥




Você também vai amar:

1 comentários

  1. Eu li a cabana e amei, que pena que Eva não seja tão bom quanto, mas darei uma chance mesmo assim.

    ResponderExcluir



Subscribe